A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Mensagem por Asclépio em Ter 16 Abr 2013, 23:03

Relembrando a primeira mensagem :

O Item Roubado – O Planejamento de Quíron – O Semideus Escolhido
Post 1


No Olimpo

Zeus estava inquieto, Quíron lhe prometera enviar um semideus em missão para recuperar a espada de seu precioso filho, o deus dos deuses olhava o seu mais novo filho, sabendo que o momento chegaria e logo a espada deveria estar na posse do garoto, porém a espada fora roubada nas forjas de Hefesto, onde recebia ajustes do deus ferreiro. Zeus sentou-se em seu trono, qualquer um que possuísse aquela espada em pouco tempo teria poder demais para que ele confiasse a um não filho dele.
Um item havia sido roubado, a Espada de Perseu e isso deveria ser vingado.

No Acampamento Meio-Sangue


Quíron estava ansioso, seu irmão Zeus não gostou da ideia de ter algo roubado mais uma vez, um item em especial para um filho seu seria ainda pior que seu raio, simplesmente por não ser a primeira vez. O semideus da missão seria muito pressionado, mas teria muito a ganhar se terminasse a missão com êxito.
Quíron não precisou pensar muito, sabia que semideus escolher, ele tinha quase todos seus semideuses a disposição, porém um se destacava por seu desejo de evoluir, dentre todos os presentes, ele merecia aquela missão. Nalbert, o filho de Hécate foi convocado para a Casa Grande.

O Semideus Convocado


Daqui em diante é contigo, quero post's maiores que 7 linhas, muito criativos e bem pensados. Fiz uma boa trama pra tua missão, espero que saibas aproveita-la.
Dica: Se tiver dúvida, nesse primeiro post só descreva seu dia, sua convocação à Casa Grande e a primeira vista de Quíron, e esntão poste.

Regras:

Tens no máximo 1 semana de limite para cada post
Como disse, mínimno de 8 linhas (isso que significa acima de 7)
Criei um esquema onde tu só precisa completar meu post com tuas ações, seja criativo e não determine NADA.
Aproveite sua missão, pois eu gostaria de ter uma missão tão planejadinha assim.
Pretendo não demorar mais de dois dias para postar, se demorar isso, algo sério aconteceu, mas vou lutar pra não passar disso.
avatar
Asclépio

Mensagens : 13

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Mensagem por Hefesto em Qua 22 Maio 2013, 21:21

OFF: Estou assumindo sua missão nesse final de batalha que ira definir o ritmo das coisas. Irei deixar vocês com energia completa e o Lucca ainda como moeda de troca da aposta de vocês. Boa sorte garoto, lembro apenas que não sou paciente e bom como o Asclépio é então se der mole morre.
ON:

O ladrão da poderosa arma do filho de Zeus que fora um herói vitorioso observava o filho de Hécate com calculismo para seu movimento, receava que o Lucca fizesse algo que não pudesse e para que não o pegasse de surpresa bateu com o cabo da espada de Perseu na cabeça do garoto o fazendo desmaiar. Ao perceber que Nalbert o fuzilou com os olhos disse:
- Calma que ele esta apenas dormindo. Onde paramos?

Aproveitando que tinha atenção do filho de Hécate ele avançou mudando a espada mágica de mão em mão e quando estava um pouco próximo cortou alto na direção do rosto do Nalbert usando o golpe como distração e estocando na direção da barriga com um passo para trás para tentar sair do raio de ação do filho de Hécate. Ao fundo de toda a ação um robusto homem observava a batalha sem ser percebido ou sentido por nenhum dos semideuses, mas quem seria ele?
avatar
Hefesto

Mensagens : 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Mensagem por Nalbert Luiz em Sab 25 Maio 2013, 10:44

Um novo plano



Resmungo uma maldição em grego após o golpe do inimigo estava furioso, mas não tinha tempo para ficar furioso. Após a ação pretendo desembainhar minha espada de bronze celestial e meu escudo de platina com meu braço direito coloco o escudo em modo de defesa, de forma que ele fique a minha frente e proteja-me de qualquer golpe que tenha como alvo meu peitoral ou minha barriga e assim com a mão direita pretendo fazer um golpe para frente com minha espada (A La tuchê), com intuito de acertar seu peitoral depois girar minha espada pelo lado direito com objetivo de acertar o lado esquerdo do seu pescoço, depois pretendo fazer o mesmo só que de lado inverso, para finalizar a sequência pretendo saltar e cravar minha espada em seu ombro direito, caso o meu plano dê certo minha ideia é recuar após toda a minha ação. Caso ele seja rápido e me ataque com a espada em um ponto que não consigo defender-me com o escudo, meu intuito será recuar. Caso ele esquive vou tentar fazer sequência novamente, se três das minhas tentativas falhar irei apenas recuar sem atacar.






Vantagens:

Articulações Ultraflexíveis;
Noção do Perigo;
Eloquente;
Furtividade;
Mira Avançada.


Desvantagens:

Código de Honra (Código do Criador);
Aura Má;
Hábito Desagradável (Cuspir o tempo todo);
Complexo de Culpa.
avatar
Nalbert Luiz

Mensagens : 56

Ficha de Personagem
Filiação/Grupo: Filho de Hécate
Nível: 5
Inventário:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Mensagem por Hefesto em Sab 25 Maio 2013, 12:31

OFF: Nalbert e impossível você fazer tantas ações assim, apenas duas possibilidades no máximo com dois golpes, não pode fazer cinco golpes seguidos assim. Faça algumas ações que eu narro o que vai acontecer.
ON:

O semideus filho de Hermes cortou com a espada alto na direção do rosto de Nalbert o fazendo recuar e quando o próprio filho do deus ladrão estocou na barriga dele o escudo protegia sua barriga. Nalbert aproveitou e avançou cortando na direção do peito do inimigo, mas a espada de Perseu estava no caminho e aparou o golpe sem tantas dificuldades.

Nalbert se afasta do inimigo e ambos agora andavam lateralmente, o vento agora estava mais frio e Sol iluminava menos o local. Para cortar esse tempo de analise o filho de Hermes disse:
- Filho de Hécate, esperava mais de você.

Depois disso a espada de Perseu brilhou disparando um feixe mágico contra o Nalbert de surpresa o acertando no peito e tombando ao chão. O golpe não fora forte, apenas para assustar e avisar dessa habilidade incrível.
avatar
Hefesto

Mensagens : 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Mensagem por Nalbert Luiz em Seg 27 Maio 2013, 15:12

Desarma-lo



Vi que meus ataques normais não estavam a dar certo então penso rapidamente [i] Se ataca-lo não da certo, vou desarma-lo. Com isso pretendo pegar uma distância de mais ou menos dez metros, correndo a toda velocidade, caso consiga pegar a distância pretendo pegar meu arco-de-Hera com minha vantagem mira avançada tentar atirar uma flecha leoa no braço na qual ele segura a arma. Caso não consiga vou continuar com a espada e o escudo girar a arma ofensiva para a direita tentando acertar o lado esquerdo do seu pescoço, o escudo deve estar de forma que protege-se o meu peito e barriga depois abaixar-me e gira-la pelo lado esquerdo tentando acertar o lado direito do braço onde ele segura a arma só que agora o escudo de forma que protege-se a minha cabeça. Depois pretendo recuar.






Vantagens:

Articulações Ultraflexíveis;
Noção do Perigo;
Eloquente;
Furtividade;
Mira Avançada.


Desvantagens:

Código de Honra (Código do Criador);
Aura Má;
Hábito Desagradável (Cuspir o tempo todo);
Complexo de Culpa.
avatar
Nalbert Luiz

Mensagens : 56

Ficha de Personagem
Filiação/Grupo: Filho de Hécate
Nível: 5
Inventário:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Mensagem por Hefesto em Seg 27 Maio 2013, 15:39

A flecha atingiu o braço do filho de Hermes surpreendendo o garoto que esperava uma luta com espadas. Assim que ele tentou recuperar sua arma de batalha, que brilhava ao chão perto dele, Nalbert acertou um corte no peito do inimigo o tombando ao chão desacordado ou talvez morto.

A espada brilhava imponente ao chão chamando atenção do filho de Hécate, o sentimento de missão cumprida devia estar aflorando no coração do garoto que além de recuperar a arma mágica salvara o seu amigo. Infelizmente ou não um homem saiu de trás da relva escura e fez com que o Lucca sumisse em chamas e que a espada flutuasse na frente do Nalbert o assustando. Antes que qualquer reação fosse feita pelo rapaz. o homem disse:

- Acalme-se, sou Hefesto e seu amigo esta no acampamento meio sangue deitado em uma cama da enfermaria. Essa espada pode pertencer a você caso queira, mas existe um custo alto pelo seu poder que só saberá depois dela. Lembre que ela é uma arma do filho de Zeus, mas caso queira ela é sua.
avatar
Hefesto

Mensagens : 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Mensagem por Nalbert Luiz em Seg 27 Maio 2013, 15:56

A escolha



Me assusto ao ver um Deus falar comigo tão normalmente era o segundo deus olimpiano que via nesta missão. Ao ver ele falar sobre a escolha de ficar ou não com tal arma fico muito nervoso, minhas mãos começam a soar meu olhar estava paralisado eu olhava para a espada Será que vale a pena? Estava muito nervoso então olho para Hefesto e falo
-Eu... Eu recuso. Não. Eu aceito. Quer dizer... Respiro fundo. Eu aceito.


Última edição por Nalbert Luiz em Seg 27 Maio 2013, 16:07, editado 3 vez(es)






Vantagens:

Articulações Ultraflexíveis;
Noção do Perigo;
Eloquente;
Furtividade;
Mira Avançada.


Desvantagens:

Código de Honra (Código do Criador);
Aura Má;
Hábito Desagradável (Cuspir o tempo todo);
Complexo de Culpa.
avatar
Nalbert Luiz

Mensagens : 56

Ficha de Personagem
Filiação/Grupo: Filho de Hécate
Nível: 5
Inventário:

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Mensagem por Hefesto em Seg 27 Maio 2013, 16:04

Dou risada do nervosismo do semideus, seres mortais são tão indecisos que fazem as máquinas que sempre cumprem sua missão e objetivo serem uma bela companhia. O rapaz aceita para minha surpresa, apesar de saber do risco. Pego a espada brilhante e embainho as costas, deixo um pingente de bigorna cair sobre sua mão, ele era feito de ouro e digo:
- Esta arma não pode ser de um semideus, mas sua coragem em aceitar poder apesar do risco é algo digno de presente. Faça bom uso.

Estalo o dedo e o rapaz retorna para o acampamento, estava deitado sobre sua cama no chalé com o pingente de bigorna em mãos. Antes que ele pudesse refletir sobre a arma ela se desdobrou em seu item. Uma espada negra com rachaduras vermelhas magma brotou em suas mãos e liberava calor a todo momento, seu cabo era negro com uma bigorna de ouro entalhado ao cabo.


FIM.

PRÊMIOS;

600 DE EXP E:

Código:
Bigorna: Pingente de bigorna feito de ouro que vira uma espada de ouro negro celestial com magma vulcânica dentro. A presença odo magma faz com que a lâmina seja quente queimando tudo que cortar. Uma vez por batalha o semideus pode convocar chamas
da lâmina que podem ser usadas para ataques.
avatar
Hefesto

Mensagens : 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Espada de Perseu - Missão de Nalbert Luiz

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum