[FP] Blair C. Freedman

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] Blair C. Freedman

Mensagem por Blair C. Freedman em Sab 02 Nov 2013, 20:35

Sexo: Feminino.

Idade: 16.

Destreza: Direito.

Características:
Positivas: ARTICULAÇÕES ULTRAFLEXIVEIS (+1ponto), ARTE (+1ponto) e CONVICTO (-1 ponto)
Negativas: AURA MÁ(-1 ponto), CASTO(- 1 ponto) e CORAÇÃO MOLE (-1 ponto)

História:
Sou uma garota, um tanto problemática, mas ainda sim feliz. Meu pai deixou minha mãe enquanto ela estava grávida. Ele nunca mandou um presente, apenas um colar com um pequeno tridente. Nunca soube o que aquilo significava. Até agora...
Mais um dia comum em minha escola, saí e fiquei no campus esperando John, meu pai adotivo, chegar. O carro preto parou na minha frente e o vidro se abaixou.
-Vamos logo mocinha, desculpe a demora. - ele sorriu simpaticamente e destravou as portas do carro, entrei no banco de trás em e seguimos a viagem até a nossa casa sem poucas palavras.
-Sua mãe está fora esse final de semana, quer ir à praia? – John perguntou ainda com seu sorriso no rosto. – Vamos, vai ser legal. Você adora o mar.
Ele estava certo, eu me sentia livre, sem problemas, totalmente viva quando estava em contato com o mar.
-Tudo bem então.
Chegamos em casa e almocei rapidamente, subi e me tranquei no quarto para fazer minhas malas. Olhei uma foto de minha mãe com meu pai, só podia ver a mão dele, pois, a foto estava rasgada bem na sua parte.
Quando minhas malas já estavam prontas e John já esperava no carro, algo dentro de mim me disse que minha mudaria. Entrei no carro e seguimos em direção a praia de Montauk. Ao chegarmos vi uma pequena movimentação (que não era muito comum em Montauk) mas mesmo assim, John foi a nossa casa de praia.
-Você sabe onde estou. Qualquer coisa, venha pra casa. –gritou John de dentro do carro enquanto fechava o vidro e seguia para a garagem de nossa casa. Eu estava com um vestido azul marinho até os joelhos e meu colar, tirei os sapatos e deixei meus pés serem levemente molhados pelas pequenas ondas que neles batiam. Depois de uns minutos, eu fiquei sozinha na praia quando algo mexeu comigo, uma mulher estava a se afogar.
-Aaaaaah! Me ajude!- ela gritava erguendo os braços, fazendo vários movimentos com o mesmo.
-Aguente firme!- corri na direção da água e adentrei no oceano, quando a água estava em minha cintura mergulhei e nadei em frente alguns metros até segurar na mulher e colocá-la nas minhas costas.
-Está tudo bem?- perguntei tentando acalmá-la.
-Melhor impossível, garota!- a voz dela havia mudado totalmente, seus braços que se seguravam em mim, agora eram diferentes, e em suas mãos haviam garras bem afiadas.
-Hahaha!- ela riu enquanto nos tirava da água, ela estava agora me segurando com mais força enquanto estávamos provavelmente a 30 metros do chão.
-Não! –bati com cotovelo no que provavelmente seria seu rosto e ela me soltou, eu caía em direção à água quando algo extraordinário aconteceu, a própria água parece ter ganhado vida e estava chegando ao meu encontro, parando a minha queda e me levando suavemente para o mar próxima da praia, na qual nadei por uns segundos até alcançar a areia.
Não pude me esconder por muito tempo, em questão de segundos a mulher também já estava na areia e pulou para cima de mim, rolei para o lado e para o outro com ela, tentando me livrar daquela coisa.
-Garota estúpida!- ela colocou uma de suas garras no meu pescoço, ameaçando cortá-lo. -Sou uma Benevolente, acha que me derrota?
Eu não ousei responder mas ela já estava fazendo cortes no meu braço esquerdo e no meu rosto, quando uma força descomunal a tirou de cima de mim. John a atropelou com o carro? Alguém a chutou para longe? Algo a levou com força para trás?
Não, nenhuma das hipóteses acima, o que havia tirado ela de cima de mim foi a própria água, que a prendia levando a para o mar. O mar estava enfurecido e envolveu a Benevolente com água e comprimindo-a, e em questão de segundos, ela não estava mais lá.
John estava me olhando e então disse:
-Para o carro.
Eu entrei sem falar nada e ficamos algum tempo sem trocar palavras, até chegarmos em uma colina.
-Suba! Saberá toda a verdade, sua mãe vai gostar de saber que está segura. Vá!- não esperei ele dizer outra vez e corri colina acima, até passar por um grande pinheiro e desabar logo após ele. Um tempo depois eu estava acordada em uma enfermaria. Olhando para o meu colar e para a foto de minha mãe. Uma moça chegou até mim e disse:
-Bem vinda ao Acampamento Meio Sangue.

Questionário: (uma resposta só para cada pergunta)

I)Qual desses adjetivos te descreve melhor?
d)Líder.

II)Se um de seus amigos sumisse, o que você faria?
a)Chamaria um grupo de amigos e lideraria uma busca para encontrá-lo.

III)Nas horas vagas você gosta de:
a)Devorar livros.

IV)Sobre sua família:
e)Sempre estamos juntos, nas viagens ou nas encrencas.

V)Qual estilo de luta se aproxima mais do seu:
a)Intimido meu adversário com as faculdades antes de lutar.

VI)Você está passando pelo bosque quando vê um cara tentando pôr fogo nas árvores. O que você faz ?
a)Vou até lá e brigo com o cara.

VII)Como seria seu par perfeito, mais ou menos?
a)Impositor, protetor e corajoso.

VIII)O que mais gosta (ou gostaria) de fazer nas férias?
b)Ir à praia com amigos, família ou namorado(a)
IX)Se você pudesse escolher seu (sua) pai/mãe divino(a), quem seria?
Poseidon.
avatar
Blair C. Freedman

Mensagens : 1

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Blair C. Freedman

Mensagem por Hera em Sex 15 Nov 2013, 11:21

Você foi aceita, porém, terá de fazer um teste.

Uma MP fora enviada a você.
avatar
Hera

Mensagens : 154

http://mundomeiosangue.forumfacil.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum